fbpx
13 Maio, 2019 hélio cabral | marketeer

Facebook: como os vídeos de 3 minutos têm mais alcance orgânico

  • Partilhar

Uma das alterações mais recentes e relevantes do facebook é o facto que vídeos com 3 minutos terão mais alcance orgânico nesta rede social.

Até aqui era dada relevância a vídeos curtos até 30 segundos, preferencialmente. Mas com essa “limitação”, o facebook estava a potenciar outras redes focadas em vídeo, como o Youtube.

Quantas vezes não criaram uma breve introdução de conteúdo em vídeo com um “call to action” para visualizar o vídeo na integra no Youtube?
Com esta alteração, o facebook procura ser um concorrente direto da maior plataforma de vídeos da Google, onde afirma mesmo querer “ser o melhor lugar para as pessoas encontrarem e gostarem de vídeos online.”

Perceber a distribuição dos vídeos no facebook

Mas atenção, existem alguns requisitos que são precisos ter em conta.
O que o facebook pretende é que os vídeos sejam autênticos, duradouros e memoráveis, que transformem os utilizadores em fãs apaixonados.

 

Fatores “quando e onde os vídeos aparecem” influenciam o seu sucesso no facebook.
Segundo a rede, estas são as melhores práticas vinculadas aos quatro sinais mais importantes a serem focados em vídeos para terem o devido sucesso no Facebook: originalidade, comportamentos e atributos de vídeo, lealdade e intenção e engajamento.

Se pensarmos bem, algumas destas práticas devem sempre fazer parte em tudo o que uma marca faz ao comunicar no mundo atual. Só assim consegue o tão desejado destaque nesta autêntica auto estrada de informação digital diária.

 

1. ORIGINALIDADE:

Os vídeos originais refletem a voz e valores únicos de quem os cria. São distintos, têm copy próprio e contêm imagens que não são encontradas noutras publicações do facebook. Para premiar os criadores de conteúdo e os editores que trabalham arduamente na elaboração e promoção de conteúdo autêntico e valioso, o facebook dá prioridade a conteúdo de vídeo com fortes sinais de originalidade.

Como dar um toque de originalidade:
A melhor maneira de criar o tipo de conteúdo original que o facebook pretende na sua distribuição, é garantir que a sua marca participe o máximo possível na criação dos vídeos publicados na sua página de facebook.

O que pode prejudicar o “nível” de originalidade e limitar a distribuição de vídeos:
Publicar conteúdo duplicado. Partilhar conteúdo que já existe no Facebook ou que foi publicado numa outra plataforma primeiro, em que a sua marca não teve nenhum papel ativo na sua criação.
Já fazer um “repost” conteúdo que da sua marca, não tem problema.

 

A nossa página deve ser um espaço para mostrar ao mundo digital quem é a nossa marca e como pensamos ou criamos. O conteúdo que refletir essa autenticidade terá fortes sinais de originalidade no Facebook.

Crie vídeos mais longos que envolvam as pessoas e inspire-as a visualizar até ao fim.
O estudo realizado pelo facebook mostrou que as pessoas encontram valor em vídeos mais longos que contêm um enredo. O atual código do facebook dá prioridade a vídeos mais longos (três minutos ou mais) que inspiram as pessoas a continuar a visualizar. Portanto, o início para captar a atenção, o ritmo, a emoção, a tensão, a história serão formas de captar a atenção do utilizador e envolvê-lo até o fim.

 

2. COMPORTAMENTOS E ATRIBUTOS DE VÍDEO:

Vídeos que contêm determinados atributos e inspiram determinados comportamentos de visualização podem gerar mais distribuição no Facebook.


Por exemplo, são vídeos de pelo menos três minutos? E as pessoas vêem até ao fim? Um sinal ainda mais forte é quando um utilizador mostra um nível mais alto de interação com o vídeo.
Como podem os vídeos demonstrar esse sinal de maneira autêntica e saudável: criando vídeos mais longos que envolvam as pessoas e inspirá-las a ver até o fim.


Segundo o facebook, as páginas que são penalizadas com uma distribuição reduzida no que aos vídeos diz respeito, geralmente fazem “clickbait” (ninguém gosta, incluindo nós próprios) ou utilizam demasiadas imagens estáticas.

Os vídeos que são bem-sucedidos no Facebook são dinâmicos e aproveitam ao máximo os recursos do formato. 

 

3. LEALDADE E INTENÇÃO:

Quando as pessoas voltam regularmente para ver os vídeos de uma página, o facebook considera isso como um sinal forte e positivo para potenciar a sua distribuição. Ou então quando os utilizadores pesquisam ativamente pelo nosso conteúdo.

Como incentivar esses comportamentos nos vídeos:
Otimizando o conteúdo para pesquisa no Facebook. Isso inclui escrever títulos e descrições claras nas publicações e incluir algumas tags relevantes. Isso pode ajudar mais pessoas a visualizar o conteúdo, tanto por meio de resultados de pesquisa quer por meio dos vídeos recomendados que são exibidos aos utilizadores no feed de notícias e no facebook watch.

 

4. ENGAGAMENTO:

O facebook dá prioridade ao conteúdo que gera conversas e interações significativas. Por isso, aumentou a distribuição de vídeos que inspiram interações de amigos para amigos ou de pessoa para pessoa.


Vídeos que fazem isso bem:
Inspirar as pessoas para ter significativa, para trás e para frente, discussão respeitosa nos comentários. Isso tem que acontecer de uma forma que não seja spam ou gratuita.
Seja autenticamente compartilhado. As ações continuam sendo uma das ferramentas mais poderosas do Facebook para distribuição orgânica.
Estar envolvido com. Também analisamos gostos e reações para nos ajudar a determinar qual conteúdo deve receber prioridade de distribuição. Essas interações devem acontecer de forma orgânica e não através de isca de engajamento.


Os vídeos podem enfrentar distribuição reduzida se:
Por exemplo o conteúdo de uma página é partilhado dentro de um grupo de um grupo em troca de algum tipo de  compensação. Exemplo disso é quando uma página partilha conteúdo repetidamente de outra página com a qual não tem conexão direta e o conteúdo não está relacionado a nenhum tema de sua Página.

 

5. ANÁLISE:

A produção de conteúdo já deixou de ser uma tendência e é cada vez mais essencial numa estratégia digital de sucesso. Torna-se por isso perceber o que o seu desempenho.
O facebook disponibiliza o Facebook Creator Studio, onde pode publicar, gerir e acompanhar o desempenho do seu conteúdo em todas as suas páginas.

 

Fonte: Facebook for Media
Já estamos ligados?
, ,

  • Partilhar




Comentários